Seja bem-vindo ao Simple Plan Brasil! Nós somos um site brasileiro sobre o Simple Plan com objetivo de difundir notícias, vídeos e conteúdos da banda. Este site é feito de fãs para fãs, ainda sem vínculos com integrantes da banda, mas temos apoio da Warner Music Brasil [+]

23.jpg
22.jpg
46.jpg
44.jpg
45.jpg
43.jpg

Últimas Imagens

Simple Plan traz nostalgia ao show de São Paulo

E mais uma review super bacana sobre o show do Simple Plan em São Paulo para você conferir! Desta vez foi o site Ligado a Música que falou um pouquinho sobre a apresentação dos caras no dia 07 de dezembro, destacando também a energia dos fãs, as frases em português de Pierre Bouvier, a nostalgia que a banda trouxe com as músicas e toda a simpatia dos caras a noite toda. Leia abaixo a matéria completa:

O Simple Plan iniciou a turnê sul-americana, na noite da última quarta-feira (07), com show no Citibank Hall, em São Paulo. Sem a presença do baixista David Desrosiers, o grupo fez a lição de casa e apresentou alguns de seus maiores hits, trazendo a alegria dos presentes e emocionando a todos. O show fez parte da turnê “Taking One For The Team”, que promove o mais recente álbum da banda, de mesmo nome.

Com alguns minutos de atraso, Opinion Overload, um dos singles do novo álbum, foi responsável pela abertura do que viria a ser uma grande festa. Cantada em coro pelos presentes, como se fosse um dos clássicos do grupo, a faixa foi mais do que bem recebida por todos, que recepcionaram com muito barulho a banda no palco, constituída por Pierre Bouvier (vocal), Jeff Stinco (guitarra), Sebastian Lefebvre (guitarra) e Chuck Comeau (bateria). Jet Lag fechou a dobradinha inicial.

“Muito obrigado, São Paulo!”, agradeceu o sempre simpático Pierre. Um dos momentos clássicos do show, no qual o vocalista convida todos a pularem com a banda, veio a seguir com Jump. “Vocês estão prontos para a festa? Vocês estão prontos para pular?”, continuou Bouvier. Como vem sendo comum há alguns anos nos shows do Simple Plan, a banda puxou o coro de I Got a Feeling, do Black Eyed Peas, no meio da faixa do clássico “Still Not Getting Any…”.

Um dia antes de começar a turnê sul-americana, data em que a banda viajou para o Brasil, o Simple Plan anunciou por meio de uma postagem em seu Facebook que David Desrosiers (baixo) não poderia viajar por motivos pessoais. A notícia foi recebida com bastante tristeza pelos fãs, já que David costuma ser, ao lado de Pierre, o músico que mais interage com o público. Pierre chegou a dizer que eles pensaram em cancelar a turnê, mas que a banda não gostaria de decepcionar os fãs e então decidiram gravar as partes do baixo e do backing vocal do músico para acompanhá-los em um playback. “É como se ele tivesse aqui com a gente hoje”, brincou o vocalista.

“Gostaria de convidá-los a entrar em uma máquina do tempo”, continuou o músico. Para a alegria dos presentes, I’d do Anything, segundo single do álbum de estreia da banda, “No Pads, No Helmets… Just Balls”, viria a seguir. Dando sequência, vieram Boom e Welcome to my Life, uma das faixas de maior sucesso do grupo. O Simple Plan intercalou faixas de diferentes fases da carreira e todas foram acompanhadas pelo seu fiel público, que se dividia em diferentes faixas etárias. Fãs mais velhos e que provavelmente acompanharam o início da banda estavam presentes, assim como fãs mais novos.

Antes de Addicted, outro clássico do grupo, Pierre convidou o público a cantar as partes de David, fazendo desse um dos momentos mais marcantes do show. “Essa parte David que costuma cantar, vocês podem nos ajudar para que ele consiga nos escutar lá de casa?”, pediu o vocalista. A banda agradeceu a participação dos fãs e deu sequência com Your Love is a Lie. Antes de Perfectly Perfect, single do novo álbum, o vocalista contou que Jeff sempre amou música brasileira, o guitarrista então começou a tocar MPB.

Sempre com o sorriso estampado em seu rosto, Pierre agradeceu novamente ao público. “Aposto que vocês gostam de festa… Temos um monte de garotas lindas aqui nessa noite, façam barulho meninas”, pediu o vocalista. “Agora nós costumamos fazer uma grande festa, coloquem as mãos para cima”, concluiu. Um medley com Uptown Funk, de Bruno Mars, e Can’t Feel My Face, do The Weekend, veio a seguir. Essa primeira, com uma tentativa um tanto quanto engraçada de Pierre tentando imitar o músico com a clássica dança que Bruno Mars faz no videoclipe da faixa. Can’t Keep My Hands Off You e Farewell vieram a seguir.

Pierre disse que lá em Montreal estava nevando e gelado, mas aqui no Brasil estávamos quase prontos para o verão e então brincou perguntando quem gostaria de passar o verão no paraíso com ele, menção a faixa Summer Paradise, que veio a seguir. Assim como na última apresentação da banda por São Paulo, enormes bolas de praia caíram do palco para a plateia, que se divertia dançando e arremessando-as para longe. Crazy, mais um dos clássicos da banda veio a seguir, com o cantor descendo até a grade e interagindo com os fãs. Antes de I’m Just a Kid, última faixa executada antes do encore, Pierre agradeceu novamente a todos e disse que a razão na qual a banda se encontra a praticamente 15 anos junta são os fãs. No refrão da faixa, a banda dividiu os vocais com a plateia. “Muito obrigado São Paulo, amamos vocês”, disse Pierre antes da banda se retirar.

Voltando ao palco para o bis, o grupo emendou clássico atrás de clássico. Shut Up levou todos os presentes à loucura, praticamente 7.000 pessoas que lotaram a casa. Perfect World veio depois, faixa que no show anterior do grupo em São Paulo havia sido executada pela primeira vez de maneira acústica. Pierre disse que não queria ir embora e que aquele tinha tudo para ser o melhor e maior show da América do Sul.

Com milhares de celulares acesos e até mesmo alguns isqueiros, a banda apresentou a dobradinha final do espetáculo com Untitled e Perfect, ambas cantadas em alto e bom tom pelos presentes, que conseguiram cobrir os vocais de Pierre. “Muito obrigado, nós somos o Simple Plan e amamos muito vocês”, declarou Pierre. “Nós sempre vamos voltar a São Paulo, obrigado!”. Depois de praticamente 1h30 de festa, o Simple Plan se retirou do palco. Os presentes saíram felizes pelo show, por toda a nostalgia que o grupo traz tocando faixas dos álbuns mais antigos.

Veja as fotos e vídeos do Simple Plan no show aqui.

Este artigo não possui comentários

© 2005 - 2017 - Alguns direitos reservados | Desenvolvido por Kézily Correa